Projeto Caminhos de Solidariedade da Diocese de Jundiaí !

Solidário a proposta da interiorização dos venezuelanos em situação de refúgio, Dom Vicente Costa, bispo da Diocese de Jundiaí, solicitou a Cáritas Diocesana de Jundiaí a articulação e organização de um projeto de acolhimento às famílias venezuelanas na Diocese. O qual valorizasse ações conjuntas de acolhimento, promoção e integração à comunidade local.

Diante do apelo e sensibilizados com a causa, a Cáritas Diocesana de Jundiaí mobilizou uma rede de apoio para acolhimento das famílias em situação de refúgio, vindas da Venezuela, implantando o Projeto Caminhos de Solidariedade da Diocese de Jundiaí.

Essa grande rede de apoio que se formou com entidades assistenciais ligadas da Igreja Católica, pastorais sociais e muitas pessoas solidárias possibilitou trazer três famílias venezuelanas, que chegaram em 05 de agosto, passado, e foram instaladas nas cidades de Jundiaí e Louveira.

A rede do Projeto Caminhos de Solidariedade está formada, com a participação de muitas mãos, muitas doações chegaram e continuam chegando, em demonstração de solidariedade.

O Projeto tem como princípios orientadores os quatro verbos que o Papa Francisco apresentou para a Campanha Mundial “Compartilhe a Viajem”: ACOLHER, PROTEGER, PROMOVER E INTEGRAR. Essa campanha mundial tem por objetivo sensibilização para as questões de migração e refugio.

Devemos nos envolver, olhar para o outro na preceptiva de construir novas relações,  de aprendizagem, de trocas de cultura e de solidariedade.

A Cáritas Diocesana de Jundiaí agradece a rede de apoio constituída para a acolhida das famílias e a tantas pessoas que anonimamente têm contribuído para a promoção destas famílias:

  • Sociedade de São Vicente de Paulo
  • Cáritas Paroquial Nossa Senhora Mãe dos Homens
  • Pastoral do Migrante
  • Casa Social Paróquia Cristo Redentor
  • CESPROM
  • SOS

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *